VEM PRO GOOGLE

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

sábado, 9 de junho de 2012

TJPB CUMPRE 70% DOS REQUISITOS DE INFRAESTRUTURA EM TI DEFINIDOS PELO CNJ E NOVO PORTAL SERÁ LANÇADO EM JUNHO

A partir de junho, os usuários do Portal Institucional do Tribunal de Justiça da Paraíba e da Intranet observarão as mudanças realizadas na plataforma. Um novo layout para facilitar o acesso às informações do TJPB. O anúncio foi feito pelo desembargador-presidente Abraham Lincoln da Cunha Ramos na reunião do Comitê Diretivo de Tecnologia da Informação (CDTI), nesta quinta-feira (24). Na ocasião, também ficou registrado que 70% dos requisitos de infraestrutura em TI, definidos pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), estão em fase de cumprimento.

No mesmo mês, os juízes das comarcas que possuem presídios regionais (João Pessoa, Campina Grande, Guarabira, Patos, Sousa e Cajazeiras) poderão fazer requisição de presos e emitir alvarás de soltura eletronicamente, por meio do Malote Digital. Em seguida, haverá expansão para outros tipos de procedimentos, a exemplo do mandado de prisão. Além disso, o sistema também será ampliado para outros órgãos da Justiça.
Já a partir de 2 de julho, o Processo Judicial Eletrônico (PJE) do 2º grau estará disponível.  Advogados e jurisdicionados começarão a recorrer ao TJPB de forma virtual. Oportunamente, o Comitê vai decidir quais os tipos de recursos serão disponibilizados.
Nesse período, o presidente Abraham Lincoln vai apresentar ao Pleno projeto de Resolução para padronização dos acórdãos, com definição de layout do conteúdo das decisões colegiadas para a publicação integral no Diário da Justiça Eletrônico. Em seguida, será a vez de definir o formato da 1ª instância, para disponibilização, na íntegra, das sentenças e despachos.
No prédio sede do TJPB e Anexo Administrativo já está disponível para o público externo a rede Wi Fi de internet, e ficou definida a expansão do projeto para todas as comarcas do Estado até o final do ano. Outros termos fixados na reunião foram a padronização e aquisição de novos computadores nos Fóruns Cível e Criminal, soluções para o sistema de backup dos arquivos processuais, distribuição dos notebooks usados, modelo de boleto para pagamentos das custas processuais (Banco do Brasil) e o Portal da Corregedoria.
Também foi apresentada uma planilha sobre a atual conjuntura da segurança do Portal do TJPB. De acordo com o diretor de TI do Tribunal, José Augusto Neto, o objetivo é motivar a implantação da política de segurança da informação da instituição a ser definida pelo Comitê.
TJPB/Gecom/Gabriella Guedes
Postar um comentário

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO
A vida sempre vale a pena. Viva! Simples assim.

Quem sou eu

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

Arquivo do blog